SP é a capital com maior número de casamentos gays

Criada em 26/06/2013


AE

Em um mês de vigor da resolução do Conselho Nacional de Justiça que regulamentou o casamento gay no Brasil, a cidade de São Paulo concentrou 18,6% das celebrações realizadas nas principais capitais do País. Levantamento da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil) divulgado nesta quarta-feira, 26, aponta que 231 casamentos entre pessoas do mesmo sexo foram realizados por cartórios de 22 capitais brasileiras, no período de 16 de maio a 16 de junho.

Só em São Paulo, 43 casamentos gays aconteceram neste período. A segunda cidade com maior número de celebrações é Goiânia, com 22. Curitiba, Fortaleza e Rio de Janeiro realizaram 18 casamentos cada. Macapá, Maceió, Rio Branco e Palmas não realizaram nenhuma união entre pessoas do mesmo sexo no período. O total de casamentos ainda pode ser maior, já os dados das capitais de cinco Estados (RN, PI, MA, PA e SE) não entraram no primeiro balanço.

Para o presidente da Associação, Ricardo Augusto de Leão, a tendência é mesmo de aumento nos próximos meses. "A procura por estas celebrações vem crescendo na medida em que as pessoas vão vendo seus direitos serem garantidos e respeitados pela sociedade", explicou.

De acordo com informações do CNJ, em alguns Estados como São Paulo, Paraná, Bahia, Piauí, Alagoas e Espírito Santo, muitos cartórios já celebravam casamentos gays antes da resolução nº 175.


Veja também

Dia Nacional de Combate ao Fumo

Apesar de concessões do governo, caminhoneiros mantêm paralisação pelo 8º dia

Inverno 2018 mais frio dos últimos 100 anos. Mito ou Verdade?

SEMANA DA MULHER: Professoras lideram o ranking das ocupações femininas