Pedágios não terão reajustes

Criada em 26/06/2013


AE

Os pedágios das rodovias do Estado não terão reajuste este ano. O anúncio foi feito pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) na manhã de segunda (24).

"O reajuste não está sendo adiado por um ano. Ele está sendo cancelado. Nós estamos assumindo o custo disso por um ano", disse.

Por contrato, o reajuste nas tarifas é feito todo dia 1 de julho. Se fosse seguir a inflação, o aumento seria de 6,2% se seguisse o IGP/M ou de 6,5% caso levasse em conta o IPC/A.

Segundo o governador, o cancelamento do reajuste foi possível graças ao remanejamento de algumas verbas. "Não é uma medida populista. É um trabalho que fazemos há dois anos e meio para reequilibrar os contratos de concessão", afirmou Alckmin.

Protestos

O governador também falou sobre a onda de protestos no País. "Quero destacar a importância das manifestações. Estamos abertos ao diálogo e buscando nossas parcerias em serviços públicos. Quero reiterar a necessidade da reforma política. Nós temos há bastante tempo alertado sobre isso. Acho que se precisa fazer um pacto pela reforma política." 


Veja também

Dia Nacional de Combate ao Fumo

Apesar de concessões do governo, caminhoneiros mantêm paralisação pelo 8º dia

Inverno 2018 mais frio dos últimos 100 anos. Mito ou Verdade?

SEMANA DA MULHER: Professoras lideram o ranking das ocupações femininas